Quarta-feira, 14 de Fevereiro de 2007

Resposta a comentário

Mau perder não, fico fulo é como num valor tão importante como o respeito pela vida, é desprezado por simples conveniência, ignoram ou não querem saber que a vida começa bem mais cedo que o simples momento em que as mães parem os seus filhos, isso é apenas mais uma etapa na evolução da vida. Um feto ou um embrião não é um órgão dos seus corpos, é uma vida em simbiose que cresce dentro de si.

É isso que deixa perplexo como não enxergam o seu erro.

Razões como a pobreza têm que ser respondidas por outras maneiras; desenvolvimento geral do país, apoio da segurança social (já agora como gostam muito, utilizem o exemplo dos outros países neste campo, como aqueles nórdico preocupados com o decréscimo de suas populações estão a dar a cartadas no problema), ou permitir que possam ser adoptados (outro problema burocrático de incompetência politica que o estado têm de resolver para que crianças não estejam tanto tempo nos orfanatos), ou seja não é a morte.

Mas os exemplos que vêem dos países que liberalizaram o aborto, é que o mesmo é usado como contraceptivo. Portanto muitos dos argumentos que o Sim usava, só me deixavam irritado, eram histórias da carochinhas para parvos engolirem.

Se é por ignorância que aprendam, pois é livre tal informação, pelo menos duma vez por todas que a educação sexual nas escolas se realize.

Impostos é claro que o estado gasta e gasta muito mal, imenso dinheiro dos contribuintes, como foi na construção dos estádios de futebol, que agora dão prejuízos em alguns municípios, nas viagens inúteis dos politiqueiros que se acham as mentes clarividentes do país só porque pousaram para a fotografia com VIP`s e mais exemplos se podiam apontar.

Mas quem “ganhou” neste referendo foi o «nim» das abstenções, pessoas que não foram capazes de se pronunciar, ou não quiseram. Como li num jornal: “Arriscamo-nos a transformar-nos num país de apáticos governados por uma minoria de pretenciosos que derramam todos dias sobre a cabeça dos portugueses uma sabedoria que não têm” (in José Júdice)

sinto-me:
publicado por raiodemundo às 23:18
link do post | comentar | favorito

.Pesquisa

Google

.pesquisar

 

.Junho 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


.posts recentes

. Parlamento

. Orfanatos e IURD

. 1º de Dezembro e Catalunh...

. Tancos

. Que futuro ?

. Islã – A Ameaça Contempor...

. E porque não ?

. Para quando a mesma corag...

. Estado incentiva sequestr...

. Que justiça é esta?

.arquivos

. Junho 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Julho 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Julho 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

.PubliGoogle

.tags

. todas as tags

.BannerPublipt

.subscrever feeds