Segunda-feira, 17 de Fevereiro de 2014

Eutanásia

Que pensar da lei que a Bélgica pretende implementar: de permitir a eutanásia a menores, a seu pedido.

Mas como se pode aceitar que uma criança por exemplo de 10 anos (para não referir idades mais baixas), tem consciência para decidir algo tão fundamental como a sua vida.

Se se é menor para certas decisões então é o para todas, ou entramos em contradições maior/menor ao sabor do freguês.

Como disse Sonja Dvelter, uma enfermeira com experiência no assunto, que, desde 1992, já acompanhou cerca de 200 crianças em fase terminal, diz
que nunca viu qualquer delas pedir para morrer; citada pelo página1. Os pedidos de eutanásia vêm antes de pais, emocionalmente cansados de ver os seus filhos sofrer.

Assistência a suicídio consciente de doentes incuráveis a seu pedido, é uma coisa. Mas ser outra pessoa a tomar a decisão sobre se deve viver ou não é outra.

publicado por raiodemundo às 20:28
link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 4 de Novembro de 2009

Eutanásia - Bébé RB

Pai luta contra hospital para manter filho vivo

Um pai deu hoje, segunda-feira, início a uma batalha judicial contra um hospital britânico que planeia desligar os aparelhos que mantêm vivo o seu filho de um ano de idade.

O menino, que por razões legais é apenas conhecido como Bebé RB, nasceu com uma rara condição muscular designada Síndrome Miasténico Congénito, que impossibilita a respiração sem a ajuda de aparelhos. Segundo a imprensa inglesa, a mãe está do lado do hospital – e defende que se desliguem as máquinas.

Os advogados do pai argumentam que o cérebro do bebé não é afectado pela doença, significando que pode ver, ouvir e interagir. Apesar de viver no hospital desde que nasceu, e de depender de um aparelho de ventilação para respirar, a criança gosta de ouvir histórias infantis e música.

 

Caso muito trágico

 

Segundo o hospital, que está integrado na rede pública inglesa de saúde, a qualidade de vida do Bebé RB é tão baixa que seria do seu próprio interesse não continuar a viver, uma vez que a sua severa doença é progressiva.

Christopher Cuddihee, advogado do pai, disse ao jornal Sunday Telegraph que “o caso é muito trágico”, mas acredita firmemente que o hospital deve continuar o tratamento para o manter vivo.

“O pai espera poder demonstrar no Supremo Tribunal que o pedido do hospital deve ser rejeitado”.

Estima-se que 300 pessoas sofram do Síndrome Miasténico Congénito no Reino Unido, com diferentes graus de severidade.

 

 

Noticia publicada no Jornal de Noticias em 2.11.2009.
 
Eutanásia pura é um assassinato. Com que direito se rogam para matar um deficiente, mesmo sendo um bebé é um ser humano com sentimentos e emoções, a prova é que seu cérebro está vivo e como quase todos bebés gosta de música e histórias, ou seja gosta que lhe falem, que o acarinhem.
 
Será que também querem matar os outros 300 portadores da mesma doença?
Não terá o mesmo direito á vida?
Quem é que se roga com direito de definir «qualidade de vida»?
Uma mãe que simplesmente abdica por facilitismo o cuidar de seu filho!
 
 
Não. O seu pai tem razão em defender sua vida. Ele está vivo.
 
Posso aceitar o suicídio assistido, mas apenas quando é o próprio a pedir para morrer, mas nunca quando são outros a tomar a decisão. Por isso esperar que RB atinja a maioridade e que tome a sua decisão sobre a sua vida.
Só quando o cérebro está morto, deve uma comissão tomar essa decisão; nessa altura já não estamos presentes perante um ser humano.

 

publicado por raiodemundo às 11:53
link do post | comentar | favorito
|

.Pesquisa

Google

.PubliGoogle

.pesquisar

 

.Novembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


.posts recentes

. Eutanásia

. Eutanásia - Bébé RB

.arquivos

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Julho 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Julho 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

.PubliGoogle

.tags

. todas as tags

.PubliGoogle

.BannerPublipt

.BannerClixSense

.subscrever feeds