Terça-feira, 28 de Agosto de 2007

Blogs a ler

Blogs a ler.


coluna com vista sobre a cidade

a mim ninguém cala
sinto-me:
publicado por raiodemundo às 18:03
link do post | comentar | favorito
|

Corroboro no essencial desta opinião

Este texto que aqui reproduzo do blog: http://colunacomvistasobreacidade.blogspot.com/  datado de 24.08.07 sobre os "chiquinhos" que não têm mais que fazer


Os verdeufémios

Já não é de hoje a minha antipatia para com o Bloco de Esquerda. Ainda aquilo não era Bloco de Esquerda e já o Partido Social Revolucionário me irritava.

A pose arrogante dos seus dirigentes, disfarçada sob a capa negligé chic de esquerda caviar de quem se recusa a usar gravata, mas obedece um dress code tão ou mais rígido que o formal fato e gravata, aliado aquele jeito andrajoso de os seus simpatizantes se apresentarem, aqueles lencinhos à Arafat – que também servem para os cobardes esconderem a cara – e principalmente a demagogia, sob a capa de sabedoria messiânica do trotskista Louçã, mais o pedantismo do Miguel Portas… que cocktail explosivamente repulsivo. Para mim, claro…

Vem isto a propósito da vergonha a que assistimos. À vergonha que foi a destruição de um campo de milho – alegadamente transgénico – por parte de uma centena de energúmenos com aspecto ou de quem tinha vindo do Festival da Zambujeira, a fumar ininterruptamente uns cacetes e sem tomar banho, como todos os “activistas” que se vêm sempre que há manifestações anti-globalização e outras que tais ou então de arrumadores de carros. Não… arrumadores não parecem. Esses normalmente não parecem muito felizes. Estes palermas – pelos vistos de várias nacionalidades – estavam felizes. Cantavam e dançavam enquanto se via o proprietário do terreno em desespero. Via a sua fonte de rendimento a ser destruída por uma cambada de esquerdalhos (esquerdistas bandalhos) e a GNR – pasme-se – a tentar tirá-los do campo. Não à bastonada, mas sim quase pedindo-lhes que não continuassem a cometer a destruição de propriedade alheia.

Soube-se entretanto que essa gentalha tinha vindo de uma coisa tipo conferência para marginais, sob a capa de workshop ecologista ou coisa do género.

Citando o Público, “A concentração, com mais de uma centena de pessoas, na maioria jovens portugueses e estrangeiros, foi preparada em segredo, por contactos de SMS e e-mail. Mas as autoridades souberam do que se iria passar. Por isso, logo pela manhã, foi destacada uma patrulha para perto da herdade. Enquanto os militares permaneceram por perto, nada aconteceu; mal viraram costas, chegou um autocarro de onde saíram os ambientalistas que estragaram o cereal. Com o regresso da GNR, em número reforçado, terminou a tarefa. Quando se aproximou o segundo autocarro, afirmou o comandante Bengala, "tocaram tambores, ouviu-se música, e a coisa ficou por ali". A líder do movimento, acrescentou o oficial da Guarda, "até agradeceu a colaboração da GNR, e pediu desculpa dizendo que a situação lhe tinha saído fora de controlo".

Que raio de país é este em que uns criminosos agradecem a colaboração da GNR? O que mais seria preciso para se proceder a detenções?

Segundo a mesma notícia ”A GNR apenas identificou meia dúzia dos manifestantes.” Para a GNR, os manifestantes não pretendiam o "confronto" com as autoridades, mas apenas "chamar a atenção da opinião pública para as suas ideias". Quando o objectivo foi alcançado, disse Bengala,"entraram calmamente no autocarro e tudo correu de forma civilizada".

Aqui começa a ver-se o dedo do BE.

Surge Gualter Baptista, a face vísivel do propositada e comodamente criado movimento. Activista do GAIA, um movimento ambientalista português, e líder do Movimento Transgénicos Fora. No site Esquerda.net (do BE) ele aparece de cara destapada, ao contrário de muitos dos cobardes ecoterroristas que consigo destruíram o campo do Sr. Menezes. E, para que conste, Gualter Baptista integrou as listas de Manuela Tavares, candidata do BE à Câmara Municipal de Almada. Mais uma vez se vê, por muito que se tente escamotear com um beneplácito generalizado na imprensa nacional, que a extrema-esquerda não pode continuar impunemente a basear a sua actividade propagandística em organizações como este Verde Eufémia, entre muito outros. São grupos que usam a violência como modo de actuação e meio de persecução dos seus ideais políticos. Usam a força para impor a sua vontade, ao bom estilo de grandes educadores.

Diz o tal Gualter Baptista – homem que ficou agora famoso pela sua expressão “ir lá partir aquela merda toda” – que assume a vertente revolucionária do movimento que diz ser "informal", baptizado de "Verde Eufémia", em homenagem às "lutas camponesas no Alentejo". Ao agricultor, afirmou, ofereceram "milho biológico para semear, caso quisesse abandonar os transgénicos". E a resposta? "Foi muito difícil conversar, os agricultores estão mal informados."

Coitado do povo. Coitado de quem tem de aturar iluminados como estes. Que distinta lata… Não bastava destruírem o milho ao homem e ainda, parece gozo, se propõem a oferecer milho biológico.

Então, quando na semana passada vejo que um eurodeputado do BE, Miguel Portas, afirma, no seu blog, a sua "simpatia com o gesto", que intitula de "primeiro acto de desobediência civil ecológica realizada em Portugal.", creio que estamos falados. O BE dá razão ao meu asco.

Já não há vergonha. Perdeu-se o sentido de decência. Um eurodeputado.

Perdeu-se o pudor. A impunidade é tal, no que toca às acções criminosas da extrema-esquerda, que já nem sentem necessidade de disfarçar ou tentar demarcar-se, um bocadinho que seja.

Enquanto existir este elan “romântico” em torno da esquerda, enquanto for não for tão anormal andar com um Mussolini estampado na camisola quanto o é andar com um facínora como Che Guevara, isto só vai piorar.

Enquanto os partidos políticos fazem a sua reentre com comícios, simpatizantes do BE escolheram este modo. São opções.

Para mim, não é nada que me espante. A mim nunca me enganaram.

sinto-me:
publicado por raiodemundo às 17:44
link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 22 de Agosto de 2007

Números

Espanto-me com o espanto de certas com as estatísticas do aborto, serem metade dos números inventados pelos catastróficos da clandestinidade, se eram ilegais como poderiam ser reais? 526 contra 1000 de um certo "estudo" citado no JN de 21.08.07.

E as tretas estão na mesma neste raiodemundo.

Onde está a vida?

sinto-me:
tags:
publicado por raiodemundo às 21:35
link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 19 de Agosto de 2007

Carneiros e bolsa

E tivemos esta semana mais um exemplo do efeito de manada nas bolsas, tal ponto de globalização chegamos, que um susto, num único sector de um importante país e atira tudo para o caneco, mesmo que tudo o resto esteja a funcionar bem, especulação pura e dura. Precaução chega antes da “doença”, provocando tanto mal como a “doença”.
Se esses produtos financeiros de crédito, são maus o melhor era restringi-los ou elimina-los, são só especulação.
sinto-me:
tags:
publicado por raiodemundo às 17:32
link do post | comentar | favorito
|

.Pesquisa

Google

.PubliGoogle

.pesquisar

 

.Dezembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


.posts recentes

. 1º de Dezembro e Catalunh...

. Tancos

. Que futuro ?

. Islã – A Ameaça Contempor...

. E porque não ?

. Para quando a mesma corag...

. Estado incentiva sequestr...

. Que justiça é esta?

. 2017

. Hollande está de parabéns

.arquivos

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Julho 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Julho 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

.PubliGoogle

.tags

. todas as tags

.PubliGoogle

.BannerPublipt

.BannerClixSense

.subscrever feeds